Buscar

A importância do terapeuta conhecer a Saúde Pública

Com os avanços tecnológicos e na área da Saúde Pública, tem-se tornado cada vez mais urgente enfrentar os desafios ainda existentes na saúde pública, exigindo a compreensão desse sistema cada vez mais complexo de organizações e populações.


O mundo globalizado tem cobrado infraestrutura de saúde e profissionais capacitados, ainda mais no contexto de pandemia no qual o mundo está vivendo, para isso, é essencial que os profissionais da área da saúde, especialmente os que lidam com a saúde mental, conheçam sobre a estrutura do sistema vigente no nosso país.


Antes de tudo, é necessário entender o que é o SUS (Sistema Único de Saúde). O Sistema Único de Saúde é um sistema público e gratuito de acesso amplo e integral a todos os níveis e serviços de saúde. O atendimento em saúde mental, incluindo serviços, programas e estratégias de ação, é desenvolvido no âmbito do SUS. Assim, qualquer brasileiro, independente de condições físicas, mentais, financeiras, localidade, sexo, religião e qualquer subjetividade imaginável pode ter acesso ao cuidado de sua saúde.


O principal e mais estratégico meio de serviço de tratamento em saúde mental é o CAPS (Centro de Atenção Psicossocial). Esses centros realizam atendimentos no âmbito municipal, atendendo demandas que abrangem a região na qual eles estão localizados.


De acordo com o documento sobre a reforma psiquiátrica e a política de saúde mental do Brasil, é função dos CAPS prestar atendimento clínico em regime de atenção diária, evitando, assim, as internações em hospitais psiquiátricos, promover a inserção social das pessoas com transtornos mentais através de ações intersetoriais, regular a porta de entrada da rede de assistência em saúde mental na sua área de atuação e dar suporte à atenção à saúde mental na rede básica, ou seja, os CAPS têm o dever de organizar a rede de atenção às pessoas com transtornos mentais nos municípios


Além dos CAPS, as unidades de atenção básica também promovem atendimentos na área da saúde mental. Além disso, hoje é percebida, por parte do sistema de saúde, uma preocupação com programas de prevenção, deixando de lado a ideia de se preocupar apenas com as consequências, dedicando o trabalho também à prevenção e à conscientização com os cuidados da saúde.


Logo, é primordial para os profissionais da área da saúde, especialmente os terapeutas, saber como funciona esse sistema tão complexo, pois, cada vez mais a atenção à saúde mental, vem exigindo dos profissionais um atendimento interdisciplinar e plural. Os CAPS, assim como as unidades de saúde, abarcam variadas técnicas para a garantia da saúde mental. Logo, ser conhecedor da saúde pública, coloca o profissional em uma posição de destaque dentro do mercado de trabalho, pois, além de ser uma qualificação, e hoje, mais do que nunca, é necessário se qualificar para crescimento profissional, posiciona o terapeuta de uma maneira mais confortável para realizar o trabalho, pois, a partir do momento que há o conhecimento, o profissional irá conduzir de maneira mais satisfatória o seu trabalho.


Instituto Fênix de Humanização